carne-moída-com-pure-de-batata-

Veja a receita do Fricassé de Frango simples de requeijão cremoso com batata:

Este prato começou a faz parte da nossa história culinária, por volta do século XVIII. Palavra é oriunda do vocabulário francês, e significa guisado.

Existem diversas versões de país para país, o fricassé recebe ingredientes diversos, mas conserva-se em seu creme a mesma característica afrancesada do molho branco de farinha, algumas gemas de ovos e caldo de limão.

No Brasil, fricassé ou fricassê os preparos são muito diferentes, simples e usamos mais ingredientes, que os franceses, e abrasileiramos com milho verde, requeijão cremoso ou outros queijos, cheiro verde, alho poró, com batata asterix ralada em forma de palha (aquela batata palha pronta, vendida em pacotes).

Na verdade mesmo, o Fricassê nada mais é que um delicioso guisado de frango ou de vitela em pedaços médios, que são cozidos em um molho cremoso e bem espesso, com perfume maravilhoso de temperos misturados, que podemos fazer também assado ao fono.

Assim, sempre é interessante aprender o clássico, o original dos franceses, como o Fricassée de Frango, Dans le Fourneau/ ou no forno que a gente faz e deixa pronto para assar para almoços de amigos aos domingos ou para lanchar, qualquer hora que a fome chegar.

Ele pode ser congelado inteiro, dividido em porções individuais, ou mesmo refrigerado de um dia para o outro.

Basta sua imaginação fazer uma parceria com seus horários, você saberá facilmente.

Inicie separando a vasilha onde irá prepará-lo e servi-lo diretamente do forno para a mesa. Se for uma louça refratária, um inox, um metal, é necessário que você passe uma camada de manteiga para untá-lo.

Se o Fricassé é para comer depois dessa preparação, então já ligue seu forno em temperatura média ( 180°C).

Já cozinhe o peito de frango em panela de pressão, com água e uma folha de louro.

Depois de cozido, desfie ou corte em pedaços miúdos, deixe reservado numa panela. (Você poderá aproveitar as sobras daquele franguinho assado de domingo, que sobrou na geladeira, bem acondicionado.)

Numa panela ao fogo médio, coloque a manteiga e doure a cebola e o alho poró picadinho, ajunte os tomates, o cheiro verde, e o molho de tomates. Depois de cozido, coloque o frango e misture bem.

Em um copo com metade de água, misture bem a mostarda amarela, o sal e o molho de tomates.

Dissolva tudo nesse copo e despeje na panela que está o frango desfiado, leve ao fogo mexendo e cozinhe por quase cinco minutos.

Numa vasilha ponha o requeijão cremoso e o creme de leite, misturando devagar, reservando para a montagem.

Quando estiver tudo preparado, cozido, misturado, é hora de montar o Fricassé.

Na louça preparada, forre com as fatias de pão de forma (já sem casca) e ponha este molho de frango por cima delas. Derrame o preparado de requeijão cremoso e o creme de leite frango e espalhe bem.

Cubra com o queijo ralado por cima, como sendo a última camada, polvilhe o orégano, salpicando bem, e ponha para assar até que o queijo derreta.

Desligue o seu forno.

Retire seu fricassé prontinho, só espalhe a batata palha e já sirva imediatamente.

Dica:

Esse Fricassé de forno, um original francês é um prato que se come quente, o oposto da vingança, que se come melhor quando fria.

Pode ser acompanhado por arroz de alho, ou uma salada verde de folhas frescas.

Receita de Fricassé de frango:

Rendimento: 06 pessoas:

Ingredientes:

 

 

Ingrediente

Quantidade

Peito de frango desfiado ou em pedaços miúdo01 unidade
Tomates maduros em pedaços02 unidade
Leite condensado sem lactose1 caixa 395 g
Cebola média picada1 unidade
Alho poró picado1 unidade
Molho de tomate2 colheres de sopa
Manteiga de leite2 colheres de sopa
Sala gosto
Louro1 folha
Cheiro verde picado½ copo
Mostarda amarela de Dijon1 colher de sopa
Creme de leite1 copo
Requeijão cremoso1 copo grande
Queijo muçarela ralado grosso100 g
Batata palha para salpicar1 pacote pequeno

Dica

Existem receitas variadas e muito interessantes elaboradas por revistas, livros, programas de Tv, sites, que ensinam direitinho como fazer o Fricassé brasileiro, como o Tastemade, com alterações culinárias bem interessantes.

Clique aqui para ir a próxima página